Paróquia São Raimundo (AM) reza missa em sufrágio da alma de Padre Sales

Compartilhe:

Nesta quinta-feira (10/6), a Paróquia São Raimundo Nonato, situada na Praça Ismael Benigno – Setor Av. Brasil – Região Episcopal Nossa Senhora dos Remédios, celebrou uma missa em memória ao padre Francisco Sales Pereira da Silva, seu ex-pároco, falecido na tarde desta quarta-feira (9), em decorrência de complicações causadas pelo novo coronavírus (COVID-19). A celebração eucarística foi presidida pelo pároco, padre John Paul Arockiasamy.

Uma singela homenagem foi feita, onde duas antigas paroquianas contaram seus testemunhos da época em que o padre Francisco Sales era pároco de São Raimundo. A dona Glória Paes Moura o acompanhou desde quando Sales ainda era seminarista. Ela disse que recebeu das mãos do falecido padre Sousa, antecessor de Sales, a missão de cuidar e orientar o neopresbítero.

“Ele chegou aqui quando ainda era seminarista. O padre Sousa, antes de deixar a pároco, falou pra mim: ‘estou lhe entregando, pra você tomar conta dele [padre Sales]’. E eu acompanhei de perto todo o trabalho dele. Ele ainda não tinha experiência e sempre conversávamos e trocávamos ideias. Trabalhei com ele todos os 10 anos em que ele esteve aqui.”, disse.

Padre Sales era querido por todos. Quando foi pároco de São Raimundo, criou o projeto “Missa nas Subcomunidades”, onde todas as segundas feiras ele celebrava em alguma rua do bairro e a Peregrinação da imagem de São Raimundo Nonato, onde no mês do padroeiro, em agosto, a imagem ficava um dia na casa de um paroquiano.

Catequista na Paróquia São Raimundo há quase 16 anos, Leandro Monte recebeu das mãos de padre Sales o sacramento da Eucaristia pela primeira vez e também o óleo do Crisma. Leandro lembra que o padre era muito presente nos encontros da Catequese.

“A marca registrada dele era o zelo pastoral, na Catequese e no Apostolado da Oração. Ele sempre acompanhava os catequistas, todos os processos da catequese, participava dos encontros quase todos os sábados. Ele sempre fez parte também das escolhas dos temas, principalmente, na turma de Crisma. Ele foi muito importante.”, lembrou.

Histórico de Padre Sales

Francisco Sales Pereira da Silva, é natural de Campos Sales (CE) e tinha 55 anos. Foi ordenado padre na Arquidiocese de Manaus, onde foi pároco da Paróquia São Raimundo Nonato por dez anos, entre 1996 e 2006. Depois, passou a morar na Diocese de Crato (CE), onde exercia o ministério sacerdotal e pastoral na Paróquia São Francisco de Assis, junto ao pároco, padre Nino Granjeiro.

Pe. Sales estava internado desde o último dia 19 de maio, no Hospital São Vicente de Paulo, em Barbalha (CE), onde faleceu na tarde de desta quarta-feira (9), em decorrência de complicações causadas pelo COVID-19.

Despedida na Diocese de Crato

Na manhã desta quinta-feira (10), a Diocese de Crato se despediu de padre Sales. A missa exequial aconteceu na Sé Catedral de Nossa Senhora da Penha e foi presidida pelo administrador diocesano, Dom Gilberto Pastana de Oliveira, concelebrada pelos presbitérios da diocese.

O arcebispo metropolitano de Manaus, Dom Leonardo Ulrich Steiner, enviou uma carta à diocese, onde agradeceu ao clero de Crato e à família do padre pela acolhida e receptividade durante seus 23 anos de sacerdócio.

Texto e Fotos Colaboração: Natan Almeida

Fonte: https://cutt.ly/xnPHNNi

Posts Relacionados

Facebook

Instagram

Últimos Posts