Paróquia de Ponta de Serra, em Crato, reflete documento “Pacto pela Vida e pelo Brasil”

Compartilhe:

Na noite desta quarta-feira, 14 de Abril, o pároco da Paróquia de São José Operário, em Ponta da Serra, distrito de Crato, Padre José Ricardo Barros, reuniu os vereadores eleitos pelo distrito para um encontro de reflexão e estudo sobre o documento “Pacto pela vida e pelo Brasil” e o manifesto “O povo não pode pagar com a própria vida”.

Iniciativa conjunta entre a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), a Comissão de Defesa dos Direitos Humanos Dom Paulo Evaristo Arns (Comissão Arn), a Academia Brasileira de Ciências (ABC), a Associação Brasileira de Imprensa (ABI) e a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), o Pacto pela Vida e pelo Brasil foi lançado dia 7 de abril de 2020, com o chamamento “pela união de toda a sociedade brasileira, de todos os seus cidadãos, governos e poderes da República, e formar uma ampla aliança para enfrentar a grave crise sanitária, econômica, social e política que vive o país”. O Pacto já foi subscrito por mais de 100 organizações de diferentes áreas de atuação em todo o país.

Já o manifesto “O povo não pode pagar com a própria vida”  das entidades signatárias lançado no dia 10 de Março deste ano. O documento clama por providências quanto ao combate do COVID-19 no país e pela efetivação da vacinação, urgentes a toda a população brasileira, em luto por suas centenas de milhares de vidas perdidas pelo vírus.

“Esse encontro foi para nos unirmos nesse objetivo comum que é a vida plena para todos. A Igreja, como instituição perita em humanidade e em articulação, ela pode promover esses encontros buscando sempre mais a união e a concórdia de coração”, avaliou Padre Ricardo.

 

Postado por Assessoria de Comunicação com informações de Padre Ricardo Barros

Posts Relacionados

Facebook

Instagram

Últimos Posts