Sábado da Vigília Pascal: Pressurosos, caminhemos ao encontro do Ressuscitado

Compartilhe:

Por que estais procurando entre os mortos aquele que está vivo?

Sábado Santo: igreja fechada como o túmulo, a celebração do Ofício de Leituras e da Oração da Manhã, com a participação do Povo. O Domingo da Páscoa, o dia do “Ressuscitado” se aproxima. Eis a Vigília Pascal na noite santa, com Círio e Proclamação da Páscoa, Liturgia da Palavra, Liturgia Batismal e Liturgia Eucarística.

A liturgia da Palavra desempenha um papel essencial na vigília pascal. São nove leituras, oito salmos e oito orações. Um conjunto que visa resumir toda a Palavra de Deus contida na Bíblia. Como pedras pavimentando um caminho a ser percorrido com segurança, as leituras, salmos e orações nos guiam no caminho espiritual em direção ao sepulcro para encontrar o Senhor.

Essa é a noite da verdadeira libertação. “noite em que Jesus rompeu o inferno, ao ressurgir da morte vencedor” (Proclamação da Páscoa). Nela, a Igreja, permanece à espera da ressurreição do Senhor enquanto celebra os sacramentos da iniciação cristã. A procissão luminosa que realizamos ao entrar na igreja nos relembra o caminho do povo de Deus rumo à terra prometida e simboliza, igualmente o caminho da humanidade, que nas noites da história busca a luz, a reconciliação entre os povos e a paz universal.

Eis porque, mesmo em meio a todas as tragédias que afligem nosso mundo, a chegada da Páscoa é celebrada no coração da noite, com antigos ritos cheios de beleza poética e de força transformadora. O “Círio Pascal”, ao comunicar sua chama às velas que se acendem na escuridão da noite se torna imagem do Cristo Ressuscitado, que rompe as trevas da morte, comunica sua vida sem diminuí-la e compartilha do seu destino glorioso com toda a humanidade.

Ouvimos nas leituras proclamadas que Israel foi guiado de noite por uma coluna de fogo e durante o dia, por uma nuvem. A nossa coluna de fogo, a nossa nuvem é Cristo Ressuscitado, simbolizado pelo círio pascal aceso. Cristo é a luz! Cristo é o Caminho, a Verdade e a Vida! Seguindo-o, tendo fixo o olhar em Nele, não andaremos nas trevas (Jo. 8,12).

Ouvimos no Evangelho proclamado que as mulheres caminham muito cedo em direção ao sepulcro do Senhor (Lc. 24,1-12). Elas fazem isto porque o buscam para escutar novamente sua Palavra. Seguir Cristo significa estar atento à sua palavra. Assim compreendemos porque é necessário participarmos da liturgia dominical, semana após semana. Para que entremos numa verdadeira familiaridade com a Palavra. Não vivemos somente do pão, vivemos da Palavra de Deus que nos anuncia os valores do seu Reino. Seguir Cristo implica estarmos atentos aos mandamentos de amar a Deus e ao próximo como a nós mesmos. Seguir Cristo significa ter compaixão dos que sofrem. Seguir Cristo implica amar a sua Igreja (Fl. 2,5-11). Caminhando assim, acendemos pequenas luzes no mundo, afastamos as trevas da história da humanidade.

O caminho de Israel o conduziu a terra prometida. A liturgia pascal que agora celebramos nos dirige à Cristo. Nesta caminhada nos acompanham os sacramentos da iniciação cristã: o Batismo, a Crisma e a santa Eucaristia. Assim, a Igreja nos diz que estes sacramentos são a antecipação do mundo novo. Este Jesus que as mulheres procuraram de manhã e que que foi anunciado pelo anjo como ressuscitado, nós o encontramos na Igreja, através dos Sacramentos que Ele nos deixou.

A ressurreição de Cristo não é simplesmente uma recordação de um fato passado! É o glorioso Dom do amor de Deus. Cabe a nós agora apropriarmo-nos desse dom e vivermos na verdade do nosso Batismo. A noite pascal nos convida cada ano a nos imergir novamente nas águas do Batismo, a passar da morte para a vida, a nos tornarmos verdadeiros cristãos.

É noite. No entanto não temamos a sua escuridão. Logo contemplaremos a Luz! Ouçamos o que S. Paulo nos fala na Carta aos Romanos (6,11) “Assim, vós também considerai-vos mortos para o pecado e vivos para Deus, em Jesus Cristo”. Hoje a Igreja proclama em todos os cantos do mundo e a todos nós: Despertemo-nos do nosso cristianismo cansado, sem motivação. Levantemo-nos e sigamos Cristo a verdadeira luz, a verdadeira vida!!!!!

Pe. Paulo Sérgio Silva

Paróquia Nossa Senhora da Conceição

Posts Relacionados

Facebook

Instagram

Últimos Posts