Última conferência da Semana Teológica discute questões matrimoniais

O casamento acontece no momento do consentimento e se aperfeiçoa com a vida conjugal. Entretanto, há casos passíveis de impedimentos, quando esse consentimento ou esse vínculo não são válidos perante a Igreja.

Essas questões, tão delicadas, suscitaram no Papa Francisco especial atenção. Tanto que ele lançara, em dezembro de 2015, uma Carta Apostólica intitulada “Mitis Iudex Dominus Iesus”, colocando à disposição das pessoas separadas ou dos casais em crise, mais rapidez e acessibilidade nos processos.

A intenção do Papa motivou o tema da última conferência da Semana Teológica, promovida desde a terça-feira, 01, no Centro de Expansão de Crato. Quem a profere é o Padre Glailson Willian, da Arquidiocese de Fortaleza, Doutorando em Direito Canônico pela Universidade Católica da Argentina – UCA.

“O matrimônio deve elevar o casal à dignidade sacramental. Se isso não acontece para uma das partes, este é passível de nulidade”, explica o padre, acrescentando a diferença entre “anulação” e “nulidade”.

A anulação se dá na esfera civil (para promover a separação); Já na Igreja, tem-se a “nulidade matrimonial”, que, para ser aceita, leva em consideração três fórmulas: a litúrgica (o ritual), a canônica (as testemunhas: sacerdote ou diácono) e a substancial (o consentimento, ou seja, o “sim”, que deve ser dito de forma consciente e livre, diante do altar).

(Todo clero diocesano participa das Conferências. Foto: Patrícia Silva)

Para mover qualquer processo, no entanto, a Igreja precisa verificar essa “nulidade”, resultada de algum erro nas três formulas do sacramento, que levou a inexistência da graça sacramental.

Na Diocese de Crato, há uma “Câmara Eclesiástica”, para atender os fiéis que, eventualmente, experimentaram matrimônios possivelmente nulos, matrimônios que nunca aconteceram, introduzindo tais causas, a serem julgados pelo Tribunal Regional do Ceará, com sede na Arquidiocese de Fortaleza.

Quem deseja atendimento, deve dirigir-se à Cúria Diocesana, localizada à Rua Teófilo Siqueira, 631, no Centro do Crato. Ou ligar para: (88) 3523-4679; Outra forma é através do e-mail: [email protected] Os respo0nsáveis são o Diácono Dr. Dionísio Alves e o Padre José Sampaio Alves.

Participantes

No total, noventa participantes foram inscritos para a I Semana de Atualização Teológica, que tem previsão para terminar ao meio-dia desta sexta-feira, dia 04. Dos participantes, dois são bispos (1 diocesano e 1 franciscano emérito), 70 são padres da Diocese de Crato (63 diocesanos, 03 Servos do Sagrado Coração, 02 Joseleitos de Cristo, 01 Franciscano e 01 Salesiano) e 02 são da Diocese de Quixadá. Também participam 10 diáconos, sendo 09 permanentes e 1 transitório (próximo da ordenação); e 06 seminaristas do 4º ano de Teologia no Seminário São José.

 

 

 

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Redes Sociais

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!