Romaria das Crianças e Corrida da Fé marcam início do Tríduo em honra à Serva Benigna

A Romaria de Benigna, que teve início no último dia 15 de outubro, com a comemoração dos 90 anos do nascimento da “Heroína da castidade” será concluída no próximo dia 24, com a celebração dos 77 anos da morte da Serva de Deus. Um fato interessante é que, da data de seu natalício para o dia de seu nascimento para a eternidade, são exatamente nove dias. E uasta programação foi preparada para esses dias exaltando o testemunho de santidade de Benigna.

Nesse dia 21 de outubro, em Santana do Cariri, foi realizada mais uma Romaria das Crianças. A caminhada começou por volta das 6h30min da manhã de domingo, com a concentração na Igreja Matriz de Senhora Sant’Ana. Em seguida os participantes se dirigiram até o bairro Inhumas, onde está localizado o Memorial dedicado a Serva de Deus.

Participaram crianças da catequese paroquial, das escolas particulares e municipais, professores, catequistas, pais e muitas outras pessoas da comunidade. Ao longo do percurso foram apresentadas encenações pelas crianças a cerca da vida da “Mártir da Pureza”, além disso foi recitado o Santo Terço, intercalado por cânticos e louvores.

Para o pároco de Santana do Cariri, padre Paulo Lemos Pereira “foi uma manhã abençoada, marcada pela espiritualidade e fé do testemunho de uma cristã leiga que soube colocar Deus acima de tudo.” Ainda segundo ele “o louvor a Serva de Deus Benigna Cardoso aos poucos vai contagiando os pequeninos e a cada ano percebe-se o aumento de participantes dessa caminhada com as crianças.”

A Serva de Deus, que faleceu em 1941, é também conhecida como menina Benigna. Ela teve uma infância tranquila, com brincadeiras saudáveis. Era uma aluna dedicada e ajudava suas tias nos trabalhos domésticos com esmero. Apesar das dificuldades da época, da orfandade, era muito serena e transmitia uma paz interior que contagiava a todos, segundo o relato de contemporâneos.

No dizer de Dona Nair Sobreira Feitosa, que foi amiga de infância e colega da Benigna, “ela demonstrava sinais de santidade desde cedo, por meio dos seus gestos de bondade e generosidade.” Ela conta que a Serva de Deus a acompanhava todos os dias à escola e no percurso entre o Sítio Oiti e a comunidade de Inhumas Benigna contava histórias das Sagradas Escrituras.

Nas proximidades do local onde a menina foi morta, na entrada do Sítio Oiti, os participantes da caminhada rezaram pedindo pela paz e os catequistas fizeram referência a tantas mulheres vítimas da violência, física, moral e psicológica em nossos dias.

Ao término da Romaria das crianças foi realizada a primeira edição da Corrida da Fé, com a participação de várias atletas locais e de outros municípios, promovida por uma academia da cidade em parceria com a Paróquia Senhora Sant’Ana. A corrida aconteceu no percurso entre o Memorial de Inhumas e a Igreja Matriz de Santana do Cariri, de aproximadamente 2,5 quilômetros. O pelotão feminino utilizou fitas rosas em referência ao “Outubro rosa”, mês de conscietização da prevenção do câncer de mama. Já o pelotão masculino utilizou fitas azuis em menção ao “Novembro azul”, que é dedicado a prevenção do câncer de próstata.

O tríduo de preparação para a data do ‘martírio’ da Serva de Deus acontece nos dias 21, 22 e 23 de Outubro com Celebrações Eucarísticas as 19 horas no Memorial do Bairro Inhumas. E no dia 24, data do ‘martírio’ de Benigna, pela manhã haverá missa em Inhumas as 09 horas da manhã, as 11 horas missa das flores na Matriz de Santana, à tarde a partir das 15 horas concentração no Memorial em Inhumas, em seguida caminhada para a sede e as 17 horas solene concelebração eucarística presidida por dom Gilberto Pastana e concelebrada pelos padres da Diocese de Crato.

Por Danilo Sobreira com fotos enviadas por Ypsilon Félix 

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Redes Sociais

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!