O Cardeal Dom João Braz Aviz, enviado do Papa Francisco, chega a Diocese de Crato

Na tarde do dia 31 de agosto o enviado do Papa Francisco, Cardeal Dom João Braz Aviz, prefeito da Congregação para os institutos de vida consagrada e as sociedades de vida apostólica no Vaticano, chegou ao Aeroporto Orlando Bezerra de Menezes, em Juazeiro do Norte- CE, onde foi acolhido pelo Bispo Diocesano, Dom Fernando Panico, representantes do clero, religiosos (as) e dezenas de fiéis, junto com a banda de musica municipal.

No aeroporto o Cardeal recebeu um buquê de flores ofertado pela Paróquia São José do Limoeiro, sendo entregue pela Madre Feitosa, um dos grandes nomes da vida religiosa na Diocese de Crato, e uma caixa com artesanato da região, dentre eles uma imagem do Pe. Cícero Romão Batista, presente da Basílica Nossa Senhora das Dores. Dom Fernando disse considerar a presença do Cardeal um dos grandes marcos das comemorações do ano jubilar.

Dom Fernando Panico e sacerdotes da Diocese de Crato acolhendo o Cardeal Dom João Braz Aviz, em Juazeiro do Norte-CE.
Dom Fernando Panico e sacerdotes da Diocese de Crato acolhendo o Cardeal Dom João Braz Aviz, em Juazeiro do Norte-CE.

O Cardeal veio a Diocese para, dentro das celebrações do centenário, coroar a imagem da padroeira diocesana, Nossa Senhora da Penha, em cerimônia que acontecerá no dia 1 de setembro às 18h, na Catedral, em Crato. Na ocasião ele também participará da reunião dos bispos do Regional NE I da CNBB, que acontecerá em Crato, e terá um momento com os religiosos e as religiosas da Diocese, na manhã do dia 3 de setembro, na Abadia N. Sr.ª da Vitória, em Juazeiro do Norte.

Segundo Dom João, a Diocese de Crato expressa uma fé muito calorosa e a devoção ao Pe. Cícero estimula muitas pessoas a estarem próximas de Deus. Ele agradeceu pela acolhida organizada por Dom Fernando, expressando estar muito feliz, e ainda disse acreditar na reabilitação do Pe. Cícero, pois esta “é uma devoção que cresce constantemente. Tenho certeza que o Papa Francisco está olhando com muito carinho para o apelo destes milhares de fiéis”, afirmou.

Com uma agenda considerada calma neste primeiro dia, Dom João se acomodou no Hotel Pasárgada, onde ficará até o dia 3 de setembro, data em que retornará as suas atividades em Roma, celebrou a missa dominical na Capela da Casa Episcopal e se preparou para a solenidade do dia seguinte.

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Redes Sociais

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!