Notícias das Paróquias

Confirmados no batismo, jovens da Paróquia São Francisco são impulsionados à missão

Autor: Colaboradora Priscila Araújo

Na última sexta- feira, dia 30 de junho, e ontem, dia 01 de julho, o bispo dom Gilberto Pastana confirmou no batismo 273 jovens da Paróquia São Francisco de Assis, da cidade de Crato, que em 2017 celebra o jubileu pelos 50 anos de criação. As duas celebrações aconteceram no início da noite, sendo que na primeira foram crismados 141 jovens e na segunda 132.

O povo de Deus que estiveram presentes nas celebrações participaram de forma atenciosa da cerimônia, que foi presidida pelo bispo diocesano e concelebrada pelo pároco, padre Arileudo Machado.  Alessandro de Brito, 16 anos, um dos crismados, destacou que “a hora mais forte para mim, foi a hora de receber a cruz na testa. Foi como se estivesse recebendo Jesus”. Assim com Alessandro todos os jovens foram incentivados pelo bispo a responderem com convicção as palavras de confirmação na fé.

Momento da Renovação das Promessas Batismais. (Foto: Priscila Araújo)

A importância dos padrinhos na educação da fé também foi lembrada por dom Gilberto. “Vocês foram escolhidos por esses jovens. Eles certamente procuraram vocês e pediram que vocês assumissem esse compromisso, de serem padrinhos e madrinhas. Aproveitem dessa abertura que o jovem está lhe dando para animar seu afilhado, sua afilhada a crescer na fé, ajudar a se engajar na comunidade, a começar pelo seu próprio engajamento. Seja um exemplo que o afilhado possa seguir. Não evangelizamos com Palavra, evangelizamos com ações”, disse.

O padre Arileudo falou sobre a forma como esses jovens foram preparados para receber o sacramento. “Nossa preparação foi feita durante um ano e meio, de acordo com o novo modelo apresentado pela CNBB. Esse modelo foge da forma tradicional de preparação, pois envolve toda a família. Por isso tivemos encontros com os pais, padrinhos e madrinhas durante a preparação”, explicou.

Ao final da celebração do sábado, dom Gilberto foi presenteado com uma blusa de catequista. (Foto: Priscila Araújo)

No final da celebração, dom Gilberto chamou todos os catequistas para frente, agradeceu o trabalho e o empenho na formação dos crismados. “A preparação é tão importante quanto a celebração, pois a celebração depende de uma boa preparação. Obrigado por preparar esses jovens não apenas para celebração, mas para a vivência sacramental”, concluiu.

Tags: Crisma, São Francisco

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.requerido