Encerra hoje o 4º Encontro Nacional da PASCOM e 2º Seminário Nacional de Jovens Comunicadores

Hoje, dia 27, encerrou o 4º Encontro Nacional da Pastoral de Comunicação e o 2º Seminário Nacional de jovens comunicadores que está sendo realizado no Centro de Eventos Pe. Vitor Coelho de Almeida, em Aparecida –SP. O encontro, que contou com a participação de aproximadamente 900 comunicadores, dentre eles representantes da Diocese de Crato, refletiu o tema “Comunicação, desafios e possibilidades para evangelizar na era da cultura digital”.

Para o Pe. Antônio Spadaro, um dos palestrantes do encontro, doutor em Teologia, diretor da revista Civiltà Cattolica e escritor na área da WEB, a rede é um ambiente de experiência, um ambiente e uma experiência. “A evangelização não é a transmissão da fé, mas um testemunho da fé. Devemos considerar que a característica fundamental das redes sociais é o emergir não de conteúdo, mas de relações, lembrando que evangelizar através das redes sociais (twitter, facebook, whatsapp…) não significa bombardear as pessoas com mensagens do evangelho, isso é propaganda, mas sim testemunhar com o sorriso, o pensamento que você vivencia fatos cristãos. Vocês não são chamados apenas a anunciar a palavra de Deus, mas ser Cristo na rede digital”, afirmou.

Padre Spadaro ainda frisou a rede, não como uma rede de fios, mas uma rede de relações, como um espaço para o diálogo ressaltando a presença do Papa Bento XVI e dando continuidade, do Papa Francisco no Twitter, provocando um diálogo que não está para impor os outros suas ideias mas para dialogar sobre elas.

Comissão do Regional Nordeste I participando do 4º Encontro Nacional da PASCOM  e 2º Encontro Nacional de jovens comunicadores. (Foto:  Rildo Siqueira)
Comissão do Regional Nordeste I participando do 4º Encontro Nacional da PASCOM e 2º Encontro Nacional de jovens comunicadores. (Foto: Rildo Siqueira)

A igreja no Brasil possui em 18 regionais, 276 dioceses, 460 bispos (ativos e eméritos) e 11.400 paróquias, sendo grandes conquistas na comunicação a aprovação da Comissão Episcopal Pastoral para Comunicação em 2011 e a criação do Diretório de Comunicação da Igreja no Brasil, aprovado durante o Conselho Permanente em 13 de março de 2014.

A comunicação é algo prioritário no serviço de evangelização na igreja, pois ela favorece o cultivo do ser humano enquanto pessoa que comunica valores vivenciados a partir da palavra de Deus e da Eucaristia, pois o anuncio é acompanhado sempre do testemunho chegando com mais agilidade através da rapidez propiciada pelos meios de comunicação social. “Jesus Cristo utilizaria de todos os meios de comunicação para realizar o anúncio do Reino de Deus a todos os povos nos tempos atuais, então todos nós devemos ser a presença de Cristo na era da evangelização digital” afirmou o Pe. Clóvis de Andrade Melo, assessor da Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação da CNBB.

Dom Dimas Lara Barbosa, bispo presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação da CNBB, disse estar muito feliz com o número de participantes, uma vez que o 1º encontro contou a participação de 150 pessoas e o 4º com mais de 900, e fez uma avaliação positiva de todo o acontecimento. Segundo ele evangelizar na era da cultura digital, a através dela, torna a palavra de Deus mais próxima do povo.

Celebração Eucarística no último dia do encontro, presidida por Dom Dimas Lara Barbosa, presidente da Comissão Episcopal Patoral para Comunicação. (Foto: Patrícia Silva)
Celebração Eucarística no último dia do encontro, presidida por Dom Dimas Lara Barbosa, presidente da Comissão Episcopal Patoral para Comunicação. (Foto: Patrícia Silva)

A programação do encontro contou com palestras dirigidas por padres e jornalistas especialistas na área da comunicação e juventude, dentre eles, o Pe. Antônio Spadaro, professor Moisés Sbardelotto, Pe. Sávio da C. Ribeiro, professora Leticia Soberon e a jornalista Irmã Élide Maria Fogolari. Os participantes também estiveram em seminários que traziam como tema: Teoria e prática na Pascom, Teoria e prática na WEB, Teoria e prática na convergência midiática, Teoria e prática no rádio e Teoria e prática na assessoria de imprensa.

Segundo Dom Darci Nicioli, bispo auxiliar de Aparecida- SP, que acolheu a realização do encontro, “Quem não inquieta não comunica e os comunicadores estão ai para isso. Quem encontra o Reino de Deus faz novas conexões. Quem encontra esse amor responde a Deus amando e descobrindo o verdadeiro amor deixa de lado o que é secundário. Nós só seremos convincentes aqueles que estão sedentos do amor de Deus através do nosso testemunho”.

O encontro aconteceu de 24 a 27 de julho em Aparecida- SP e contou com a participação de representantes de todos os regionais do Brasil.

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Redes Sociais

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!